Paris

O peso das metáforas

Image

Cai um pedaço da ponte de Paris. A prefeitura investiga as causas, mas é impossível não relacionar aos “cadeados de amor”, que todos os dias amantes prendem em sua estrutura. A foto acima é emblemática. A estrutura ao chão, os grilhões amontoados e o rio corre.

Fantástica alegoria do peso dos relacionamentos. Menos cadeados. Que tal fitinhas? Dançam ao sabor do vento, não pesam em ninguém e são bem mais bonitos.

Paris carrega o triunfo de todas as metáforas da boa vida. E nunca estive lá.

Texto inspirado neste post da Clarinha Gomes, do Bichinhos de Jardim.